Praias do Ipojuca serão fechadas a partir deste domingo (22)

O Comitê Contra o Coronavírus do Ipojuca resolveu, neste sábado (21), interditar as praias de Porto de Galinhas, Muro Alto, Cupe, Maracaípe, Serrambi e as demais praias do litoral ipojucano a partir deste domingo (22). O artigo 1º do decreto de nº 667/2020, assinado pela prefeita Célia Sales, decreta “a interdição de todas as praias do litoral, rios e mangues do Município do Ipojuca/PE, estando proibidas, inclusive, as práticas esportivas e recreativas”. A medida visa coibir aglomerações e, assim, consequentemente, a disseminação do novo Coronavírus no município.

Neste primeiro dia de proibição do comércio na praia, como decretou o Governo do Estado e do Município, muitos turistas não respeitaram as determinações e resistiram em acatar as orientações de que a praia estava aberta “exclusivamente para prática esportiva individual”, como descreve o decreto do estado nº48.834 em 20 de março. Cerca de 500 pessoas, 90% delas turistas de outros estados, foram retiradas do mar por agentes de controle urbano, salva-vidas e guardas municipais. “Ipojuca ainda não registrou nenhum caso de Coronavírus e o decreto com as novas medidas são exatamente para proteger a nossa população e os que aqui estão. Todos precisam entender que gente circulando, significa o vírus circulando também”, explicou Wendel França, secretário de Saúde do Ipojuca.

Ipojuca possui a maior orla de Pernambuco, são 33km. Para garantir a interdição das praias e o cumprimento do isolamento social, necessário para que o Coronavírus não se espalhe, guardas municipais fecharão as alamedas de acesso às praias. De acordo com o secretário de Defesa Social do Ipojuca, Osvaldo Morais, aqueles que não colaborarem e resistirem em cumprir ao decreto municipal poderão ser encaminhados à delegacia por crime de desobediência. “Esta decisão de fechamento das praias já foi tomada pelo Rio de Janeiro nas praias de Copacabana e Ipanema; no Maranhão foi fechado os Lençóis Maranhenses; em Santa Catarina, a praia de Florianópolis está fechada, e aqui no estado, a ilha de Fernando de Noronha também. Chegou a vez de Porto de Galinhas e as demais praias de Ipojuca. Ou agimos assim ou o vírus avançará aqui”, explicou Morais.

Entre as decisões do Comitê Contra o Coronavírus do Ipojuca, que é composto por 11 secretarias municipais, além da Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes do Ipojuca (AMTTRANS) e a Procuradoria, ficou suspenso a partir deste domingo também, o transporte coletivo municipal de passageiros em todo o território ipojucano. É exceção à esta regra o transporte mediante fretamento de funcionários e colaboradores relacionados aos estabelecimentos de serviços essenciais, financeiros, de limpeza, vigilância, clínicas e hospitais veterinários, hotéis e pousadas, entre outros.

Neste sábado agentes de trânsito da AMTTRANS realizaram ações de controle de acesso de ônibus de turismo, que também está proibido. O bloqueio aconteceu na PE-38, no distrito de Nossa Senhora do Ó e na PE-51, via de acesso à praia de Porto de Galinhas. O transporte complementar de passageiros, será autorizado em caráter excepcional pela AMTTRANS. Todas as medidas de prevenção ao Coronavírus estão sendo amplamente divulgadas pelo site da Prefeitura e suas redes sociais. A campanha “Só um ponto importa agora: a sua saúde!” foi lançada na última sexta-feira (20). O Comitê Contra o Coronavírus do Ipojuca se reúne diariamente por videoconferência.

text

Adicione seu comentario

Seu endereo de email no ser publicado.